24.1 C
Canela
domingo, junho 23, 2024
spot_imgspot_img
spot_img
spot_img
spot_imgspot_img
InícioTurismoMinistros Celso Sabino e Paulo Pimenta anunciam ações do governo federal para...

Ministros Celso Sabino e Paulo Pimenta anunciam ações do governo federal para retomada do turismo no RS

Publicidade

GRAMADO/CANELA – Visando acelerar a retomada econômica do Rio Grande do Sul, por meio do turismo, o ministro Celso Sabino, ao lado do ministro da Secretaria Extraordinária de Apoio à Reconstrução do RS, Paulo Pimenta esteve, nesta quarta-feira (05.06), nas cidades de Gramado e Canela para apresentar as ações do governo federal para apoiar o estado. Uma delas trata do aumento no número de voos para o Rio Grande do Sul, por meio do uso da estrutura de bases aéreas de cidades da região.

Entre as possibilidades debatidas está a ampliação do aeroporto de Caxias do Sul e a implantação de um aeroporto de porte médio nas cidades de Torres e Canela. “Estamos discutindo com alguns executivos da área aeroportuária de Brasília e temos várias possibilidades na mesa. Eu, o ministro Pimenta e toda a equipe de governo do presidente Lula estamos trabalhando para que todas essas possibilidades sejam concretizadas para a breve retomada dos voos”, destacou Sabino.

Publicidade

Durante o encontro com representantes locais do setor, que contou com a presença dos prefeitos de Gramado, Nestor Tissot; de Canela, Constantino Orsolin; de São Francisco de Paula, Marcos André Aguzzolli, e de Nova Petrópolis, Martim Wissmann, o ministro falou também das ações do MTur para apoiar os empreendimentos gaúchos.

Publicidade

Entre as medidas já iniciadas pelo MTur está a disponibilização de R$ 200 milhões do Fundo Geral de Turismo (Novo Fungetur), voltados à concessão de financiamentos com condições especiais a atividades turísticas prejudicadas. Do total, R$ 100 milhões já foram repassados e o valor restante será aportado conforme o avanço das contratações. O recurso pode ser utilizado para capital de giro, compra de equipamentos e obras de reforma e ampliação.

“Estamos trabalhando fortemente para retomada do Rio Grande do Sul porque a chuva vai parar, a água vai secar, a lagoa vai descer e o crescimento econômico vai voltar, porque todos nós entendemos que o crescimento econômico salva vidas, promove a geração de empregos e uma distribuição de renda democrática“, afirmou o ministro Sabino.

O ministro Paulo Pimenta reforçou as ações do governo federal, como a Medida Provisória que liberou R$ 15 bilhões que poderão ser utilizados em financiamentos para empresas de todos os portes do Rio Grande do Sul. “Essa ação faz parte do Fundo Social e disponibilizará recursos para abertura de crédito em locais atingidos por calamidades públicas”, disse Pimenta.

Em outra frente, o Ministério do Turismo dará visibilidade aos atrativos turísticos gaúchos em grandes festivais internacionais para promover o turismo na região. Na posição de homenageado na Feria Internacional de Turismo (FIT), que acontece em Buenos Aires, em setembro, o Brasil priorizará a divulgação de atrações do estado. A Argentina é o principal emissor de turistas ao Brasil e o principal receptor estrangeiro de turistas no Rio Grande do Sul.

O MTur também trabalha para que a Feira Internacional de Turismo (Fitur), que acontece em Madri, na Espanha, no mês de janeiro, homenageie o turismo do estado gaúcho. As cidades da Serra Gaúcha concentram inúmeros atrativos como parques temáticos, ótima gastronomia e belezas naturais da conhecida Região das Hortênsias. Somente em 2023, Gramado recebeu cerca de oito milhões de turistas. O número foi um recorde histórico, com aumento de 6% em relação a 2022, quando cerca de 7,5 milhões de pessoas passaram pela cidade.

CAMPANHAS – Durante o evento, Paulo Pimenta anunciou que o governo federal anunciará nos próximos dias uma campanha publicitária, em parceria com o MTur, reforçando para os brasileiros que a melhor forma de ajudar o estado é manter suas viagens e fazer turismo, incentivando a economia local.

Em maio, o Ministério do Turismo lançou a campanha de sensibilização “Não Cancele, Reagende!”, que incentiva visitantes a reprogramar viagens previstas para o Rio Grande do Sul em outros períodos. Estiveram presentes, ainda, o secretário de Turismo do Estado do Rio Grande do Sul, Luiz Fernando Rodrigues Júnior, e os CEOs do Grupo Wish, Eduardo Malheiros, da Gramado Parks, Ronaldo Costa Beber, e do Grupo RTSC, Marcos Jorge, além do representante da ONU Turismo no Brasil, Daniel Nepomuceno, e do presidente do SINDTUR, Cláudio de Souza.

Publicidade


Publicidadespot_img
Artigos Relacionados
Leia também
CANELA - O atual administrador do Hospital de Caridade de Canela (HCC), Aristides Feistler, recebeu a reportagem do Jornal Digital Canela para esclarecer dúvidas, relatar mudanças e melhorias que vêm sendo feitas na casa de saúde. “É sempre importante...
CANELA - Em uma iniciativa que visa promover a qualificação profissional no setor rural, o Centro Integrado de Desenvolvimento e Inovação de Canela - CIDICA, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - SENAR e o Sindicato...
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Populares

Leia Mais

Iniciar conversa 👍
1
Seja bem vindo!
JD Canela
Olá! 😀
Quer receber notícias no seu WhatsApp?
Entre no nosso Canal de notícias.
Nos envie um "oi" e te enviamos o link para participar.