14 C
Canela
sexta-feira, junho 21, 2024
spot_imgspot_img
spot_img
spot_img
spot_imgspot_img
InícioNotíciasEmpresas de telefonia são oficiadas pela DPE para esclarecimentos sobre a redução...

Empresas de telefonia são oficiadas pela DPE para esclarecimentos sobre a redução da alíquota do ICMS aos clientes no RS

Publicidade

Em vigor desde julho, a redução na alíquota do ICMS ainda não estaria sendo aplicada nas faturas de consumo de telefonia e internet dos clientes do Rio Grande do Sul. Por esse motivo, a Defensoria Pública do Estado (DPE/RS), por meio do Núcleo de Defesa do Consumidor e Tutelas Coletivas (NUDECONTU), oficiou às empresas do segmento, para que prestem esclarecimentos quanto ao repasse.

Editada no final de junho deste ano, a Lei Complementar nº 194/2022 estabeleceu que a alíquota geral de combustíveis, energia elétrica e telecomunicações, no Rio Grande do Sul, seria de 17%. Porém, as faturas de consumo dos serviços de telefonia e de internet ainda estariam apresentando os mesmos valores, de forma que os consumidores não estariam sentindo essa redução no valor que efetivamente pagam pelo serviço.

Publicidade

A Defensoria Pública solicitou que as empresas informassem quando iniciou o recolhimento da alíquota reduzida do tributo e se a redução teria sido repassada aos consumidores. Caso ainda não tenha sido repassada, a instituição busca saber os motivos e quando ela passaria, então, a ser realizada (com indicação de prazos e percentuais).

Publicidade

Além disso, a Defensoria solicita que as empresas informem se haverá restituição dos valores cobrados indevidamente, em consequência da não aplicação do percentual reduzido do ICMS, e qual seria o procedimento para devolução.

Por fim, a DPE/RS solicita a apresentação de faturas (de junho em diante), para que seja possível a comparação com os meses atuais. As empresas oficiadas têm um prazo de dez dias para apresentar suas respostas ao ofício.

Segundo o dirigente do NUDECONTU, defensor público Rafael Pedro Magagnin, primeiro é feito esse contato, via ofício, para entender melhor a situação. Porém, caso a redução do ICMS não seja repassada aos clientes, não se descarta a realização de atendimentos e ajuizamentos individuais – ou mesmo coletivos.

Publicidade


Publicidadespot_img
Artigos Relacionados
Leia também
CANELA - Em um esforço para avaliar e apoiar a comunidade cultural de Canela, a Secretaria de Turismo e Cultura, através do Departamento de Cultura, lançou um formulário intitulado “Levantamento da Situação dos Agentes Culturais do Município de Canela...
GRAMADO - A Polícia Civil, através da DP de Gramado, apreendeu na tarde desta quinta-feira (20/06) máquinas de caça níqueis que estavam em funcionamento em um bar na cidade.A Delegada Fernanda Aranha refere que as máquinas foram apreendidas configurando...
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Populares

Leia Mais

Iniciar conversa 👍
1
Seja bem vindo!
JD Canela
Olá! 😀
Quer receber notícias no seu WhatsApp?
Entre no nosso Canal de notícias.
Nos envie um "oi" e te enviamos o link para participar.