Denúncia é arquivada e Alberi Dias mantém seu mandato de vereador

0
35
Publicidade

Foi realizada na noite desta quinta-feira (30), na Câmara de Vereadores de Canela a Sessão Especial de Julgamento do vereador Alberi Dias por suposta falta de Decoro Parlamentar. Para ter seu mandato caçado, era precisos oito votos favoráveis a denúncia, caso contrário, o processo seria arquivado. A votação ficou com 7 x 4 a favor da denúncia, ou seja, numero insuficiente para caçar o mandato, a denúncia foi arquivada e Alberi mantido no cargo.

A favor da cassação votaram: Merlin Jone Wulff (PDT), Jerônimo Terra Rolim (PDT), José Vellinho Pinto (PDT), Felipe Caputo (PSDB), Roberto Grulke (MDB), Jeferson de Oliveira (MDB) e Emília Fulcher (Republicanos). Os contrários foram de: Paulo Tomasini (PSDB), Andresa da Conceição – Mana (MDB), Mário Weirch (MDB), além do próprio vereador Alberi Dias (MDB).

O processo se deu origem após um cidadão formalizar a denúncia alegando ter havido falta de decoro parlamentar do Vereador Alberi Dias por fatos atrelados à operação Cáritas. A partir dai entrou em cena uma comissão processante, a qual analisou os fatos e por 2 votos a 1, emitiu parecer favorável pela procedência da acusação. Finalizando no desfecho desta noite.

Publicidade

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.