18.7 C
Canela
quinta-feira, julho 25, 2024
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
InícioSegurançaPolícia Civil deflagra Operação Golden, em investigação a homicídio ocorrido em Igrejinha

Polícia Civil deflagra Operação Golden, em investigação a homicídio ocorrido em Igrejinha

Publicidade

IGREJINHA – Nesta sexta-feira (05/07), a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Igrejinha, deflagrou a Operação Golden, resultante de investigação de crime que apura a morte de um vendedor de joias morador da cidade de Gravataí. Cinco pessoas foram presas. Foram apreendidos mais de cem pinos de cocaína, 59 pedras de crack, 400 porções de maconha embalada, aparelhos celulares e valores em dinheiro.

A ação contou com apoio de policiais integrantes da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) e das Delegacias de Polícia de Três Coroas, Taquara, Rolante e Riozinho.

Publicidade

Na ação, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão e quatro mandados de prisão nas cidades de Porto Alegre, Gravataí e Cachoeirinha. Além disso, dois mandados de prisões foram cumpridos nas penitenciarias de Osório e Charqueadas, em face dos dois investigados de serem os executores já estavam reclusos por envolvimento em outros homicídios.

Publicidade

O Delegado Gustavo Celiberto Barcellos, Diretor da 2ª Delegacia Regional de Polícia do Interior de Gramado, ressaltou: “É uma investigação bastante complexa, pois os suspeitos e a vítima não possuíam vínculos conhecidos na cidade, o que demonstra a competência, empenho e capacidade técnica da equipe policial de Igrejinha”. O Delegado ainda destacou a importância das prisões, tratando-se de suspeitos vinculados a um grupo criminoso envolvido no tráfico de drogas e crimes correlatos, especialmente homicídios/execuções. “Também foi muito importante a atuação do Ministério Público e do Poder Judiciário na análise e deferimento das medidas”, completou Barcellos.

O Delegado Ivanir Luiz Moschen Caliari, titular de Igrejinha, referiu que, após meses de apurações, com utilização de avançadas técnicas investigativas e diversas diligências, foi possível identificar dois suspeitos de consumarem o crime. A motivação do assassinato, conforme o delegado, ainda está sendo apurada: “Ao que tudo indica o crime foi premeditado, pois a vítima saiu da casa da namorada em Novo Hamburgo no início da tarde de 13 de setembro de 2023, referindo que tinha um compromisso marcado na cidade de Gravataí sem dizer com quem e comprovadamente foi arrebatado em seu carro pelos dois criminosos naquele município, nas proximidades das moradias dos dois executores, tendo sido posteriormente levado até a cidade de Igrejinha, onde foi morto a tiros”, explicou.

Publicidade


Publicidadespot_img
Artigos Relacionados
Leia também
CANELA | A tradicional Festa Colonial de Canela contará com um evento especial neste domingo, 28 de julho. A partir das 15h, ocorrerá a aguardada escolha das soberanas, um dos momentos mais esperados da celebração. As candidatas desfilarão e...
REGIÃO | Em 18 unidades prisionais do Estado, são produzidos itens em oficinas de marcenaria para pessoas atingidas pelas enchentes. Até o momento, já foram confeccionados 216 móveis, como berços, camas e armários, 287 casinhas para cachorros e cerca...
Publicidade
Publicidade

Populares

Leia Mais

Iniciar conversa 👍
1
Seja bem vindo!
JD Canela
Olá! 😀
Quer receber notícias no seu WhatsApp?
Entre no nosso Canal de notícias.
Nos envie um "oi" e te enviamos o link para participar.