Espetáculo “Cooperativismo em Movimento” marca o encerramento do Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis

0
28
Publicidade

O 49º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis chega ao fim neste domingo, 31 de julho. O espetáculo “Cooperativismo em Movimento” e a Extinção da Chama Folclórica 2022 marcam o encerramento do maior evento cultural da Serra Gaúcha. A partir das 20h, no Palco da Diversidade, junto à Rua Coberta, mais de 300 artistas participam da apresentação feita em homenagem ao aniversário de 120 anos do cooperativismo de crédito e em referência ao lema da 49ª edição do evento: “A diversidade nos une e a cooperação nos fortalece”.

Com roteiro de Edineia Werner, o espetáculo “Cooperativismo em Movimento” foi pensado como homenagem aos ideais vanguardistas do padre Theodor Amstad que, há 120 anos, fizeram nascer uma colônia forte e próspera.

“Quando fui procurada pela Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs para escrever o roteiro do espetáculo de abertura e encerramento, senti-me desafiada. Não sou roteirista. Sou dançarina, apaixonada pelo folclore e pelo evento, ex-soberana e escritora de contos. Escrever esse roteiro demandou muito de mim, pois precisava contar a história do cooperativismo de forma a incluir a maior quantidade possível de pessoas e de entidades. Depois de muito trabalho, foi emocionante ver tudo acontecendo no palco e acho que foi ali, na abertura, que pude entender a dimensão do que havíamos construído”, disse Edinéia Werner ao salientar que o espetáculo foi desenvolvido a muitas mãos, porque é na pluralidade que nascem as mais excelentes ideias e as melhores execuções.

Quase 300 pessoas estão envolvidas na contação da história do cooperativismo em Nova Petrópolis, que terá início mencionando os pioneiros de Rochdale e o surgimento do Sistema Raiffeisen, e costurará episódios históricos da cidade, com destaque para a irmandade cooperativista com Sunchales, na Argentina, e para a aliança que mantém vivo e em movimento o maior evento cultural da Serra Gaúcha.

 O espetáculo “Cooperativismo em Movimento” reúne dançarinos, cantores, atores e instrumentistas das mais variadas idades e localidades de Nova Petrópolis, no palco do Festival Internacional de Folclore. Domingo, 31 de julho, a partir das 20h, na Rua Coberta, o cooperativismo terá a sua trajetória registrada por meio de movimentos, com muita entrega, união, alegria, música, dança e teatro.

Fotos: Mauro Stoffel

O 49º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis é uma realização da Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs e da Prefeitura de Nova Petrópolis. O evento integra o calendário anual da IOV – Organização Internacional de Folclore e Artes Populares e o calendário de eventos oficiais do Rio Grande do Sul. Conta com patrocínio de Sicredi Pioneira, Cooperativa Piá, Dakota, Fortbrain Alimentos, Gula Alimentos, Banrisul, Suibom, Energias da Natureza, Armani Têxtil, Box Print, Cervejaria Edelbrau, Ecosul Energia Solar e Traum Cervejaria. Apoio: Ave Serra, Coopershoes, Esculturas Parque Pedras do Silêncio, RBT Internet, Parque Aldeia do Imigrante e PD Eventos. Financiamento: Pró-Cultura RS – Lei de Incentivo à Cultura, Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Mais informações em www.festivaldefolclore.com.br e @festivaldefolclorenp.

Publicidade

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.