Escola Municipal Severino Travi utiliza chromebooks nas aulas de informática

0
56
Publicidade

No início do ano letivo de 2022, a Escola Municipal Severino Travi resgatou a utilização de aparelhos chromebooks dentro de sala de aula. “É um projeto que já acontecia antes da pandemia e agora retomamos dentro de um cronograma escolar”, explica a professora de informática, Rubia Ermerich.
Ao todo são 26 chromebooks que atendem alunos do 1° ao 5° ano do ensino fundamental. “Os aparelhos ajudam na interação com os colegas. Na maioria das vezes, as atividades são feitas em grupo e duplas devido ao número de computadores”, diz.

A atividade acontece uma vez na semana durante os 50 minutos da aula de informática. “É um momento de abstração. Para eles criarem mais intimidade com o computador, jogando, pesquisando, brincando e interagindo entre eles”, expressa.

Publicidade

Além dos benefícios recreativos do uso da tecnologia, o uso dos computadores auxilia na lógica e na coordenação motora das crianças. “Sempre focamos em jogos educativos que agreguem no processo de aprendizado dos pequenos, sem o uso de redes sociais”, conta a professora.

“Quando as professoras têm alguma demanda de conteúdo, como pesquisas, utilizamos desse momento para trabalhar o quê foi solicitado”, complementa Rubia.
“Eventualmente, é feito o uso dos computadores na aula regular com a professora regente da turma, dentro de propostas e matérias específicas”, expõe
O feedback dos estudantes é positivo e o convívio com a tecnologia já é algo natural.

“Nós aprendemos bastante com os computadores. A gente gosta de jogar futebol e alguns quizzes, às vezes a gente se da mal, mas adoramos a aula de informática”, Rafael Cerri e Pietro Castilhos, 10, alunos do 5° ano.
A secretária de Educação Janete da Silva Santos destaca que “A educação transforma pessoas, e por esse motivo que não medimos esforços para oferecer aos nossos alunos um ensino de qualidade. Os chromebooks proporcionam a inclusão digital e social, além de ser uma ótima ferramenta pedagógica”.

“Está dentro do planejamento da secretaria de educação a compra de mais aparelhos para todas as escolas”, conclui a secretária.

Pietro Castilhos e Rafael Cerri, de 10 anos, alunos do 5° ano aprovam as aulas de informática nos chromebooks – Fotos: André Fernandes
Publicidade

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.