Publicidade

A 49ª edição do Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis está chegando ao fim. O último fim de semana do evento terá mais de 25 apresentações no palco principal, com a presença de grupos da Colômbia, Argentina, Minas Gerais, Pará, Santa Catarina e do Rio Grande do Sul. Nos dias 30 e 31 de julho, o público também poderá assistir a final dos Jogos Germânicos, Desfile de Integração, apresentações no Parque Aldeia do Imigrante e muito mais. O espetáculo “Cooperativismo em Movimento” e a extinção da Chama Folclórica marcarão o encerramento do Festival no dia 31 de julho, na Rua Coberta.

O grupo colombiano, Agrupación Folklórica Aires de Siecha, abre o Palco da Diversidade no sábado, 30 de julho. As apresentações seguem no palco principal até às 15h15, quando começa a prova dos Jogos Germânicos, Chopp em Metro. Às 15h30, o Grupo Sarandeiros, de Minas Gerais, traz a cultura mineira para o palco, que segue com apresentações até às 21h30.

Durante a tarde, o Parque Aldeia do Imigrante recebe apresentações a partir das 14h. Os grupos Hayat, de Ijuí; a Agrupación Folklórica Aires de Siecha, da Colômbia, e a Cia Nadima Murad, de Porto Alegre, levam a cultura para o atrativo turístico. À noite, o Böhmerlandtanzgruppe promove o baile em comemoração aos 35 anos do grupo, a partir das 19h, na Associação Concórdia de Linha Imperial. O Grupo Folclórico Orzel Bialy, de Santa Catarina, e a Agrupación Folklórica Aires de Siecha, da Colômbia, se apresentam no evento. Gastronomia típica, atrações musicais, souvenirs, chopps variados e brincadeiras prometem animar o público do evento.

O último dia do Festival Internacional de Folclore inicia às 9h, com a final do Jogos Germânicos. Os grupos locais disputam a prova Arremesso de Chopp para decidir o vencedor da competição. Às 10h, a Celebração da Vida, da Paz e da Diversidade trará um momento ecumênico que simboliza a união de diferentes culturas por um mundo melhor. A partir das 11h, a música e a dança tomam conta do palco principal com os grupos que apresentam diferentes manifestações culturais. Às 15h30min a diversidade toma conta da Av. 15 de Novembro durante o Desfile de Integração. O colorido dos trajes dos grupos locais e visitantes leva alegria para o público que prestigia o evento. Os grupos retornam ao palco do festival até às 20h com apresentações.

O espetáculo “Cooperativismo em Movimento”, com roteiro de Edineia Werner, encerrará a 49ª edição do Festival Internacional de Folclore. Cerca de 300 pessoas mesclam música, dança e teatro para dar vida a fatos do passado e o amor por Nova Petrópolis é trazido ao palco em forma de movimentos, contando a história do cooperativismo. Na sequência, a cerimônia de extinção da Chama Folclórica marcará o fim da 49ª edição do evento.

Fotos: Mauro Stoffel

O 49º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis é uma realização da Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs e da Prefeitura de Nova Petrópolis. O evento integra o calendário anual da IOV – Organização Internacional de Folclore e Artes Populares e o calendário de eventos oficiais do Rio Grande do Sul. Conta com patrocínio de Sicredi Pioneira, Cooperativa Piá, Dakota, Fortbrain Alimentos, Gula Alimentos, Banrisul, Suibom, Energias da Natureza, Armani Têxtil, Box Print, Cervejaria Edelbrau, Ecosul Energia Solar e Traum Cervejaria. Apoio: Ave Serra, Coopershoes, Esculturas Parque Pedras do Silêncio, RBT Internet, Parque Aldeia do Imigrante e PD Eventos. Financiamento: Pró-Cultura RS – Lei de Incentivo à Cultura, Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Mais informações em www.festivaldefolclore.com.br e @festivaldefolclorenp.

Publicidade

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.