Três mil cestas básicas para atender a população mais vulnerável de Gramado

0
94
Publicidade

O Prefeito de Gramado, Fedoca Bertolucci, acompanhou na tarde da quinta-feira, dia 04, a entrega das primeiras 150 cestas básicas do segundo lote adquirido, em caráter emergencial, para atender a população gramadense que mais sofre com o impacto econômico da pandemia pelo Covid-19.

Somente neste ano, a Prefeitura Municipal já empenhou três mil cestas básicas. Em abril foram compradas mil cestas básicas compostas por alimentos não perecíveis e materiais de higiene e limpeza. A demanda, entretanto, superou estimativa e o acesso à cesta básica, em maio, chegou a quase dez vezes mais do que, no mesmo período, no ano passado. Conforme o secretário adjunto da Cidadania e Assistência Social, André Perotoni, considerando os meses de abril e maio de 2020, foram concedidas, respetivamente, 802 e 1.179 cestas básicas, contrastando com abril e maio de 2019, quando foram concedidas 140 e 119. Essa realidade fez com que o Executivo municipal aportasse recursos para compra de mais duas mil cestas básicas com alimentos não perecíveis, materiais de higiene e limpeza, além de leite UHT para as famílias vulneráveis com crianças.

Publicidade

A metodologia implementada em Gramado para concessão e acesso às cestas básicas oferece canais diversificados para solicitação e atendimento e disponibiliza a entrega da cesta básica diretamente na residência da família beneficiária. A entrega é feita por servidores públicos, em carros oficiais, coordenados pela Defesa Civil de Gramado e pelas forças de Segurança Pública. “Sem essa verdadeira união de esforços dos órgãos públicos, dos servidores (municipais e estaduais) e sem o trabalho técnico da Assistência Social não seria possível garantir essa efetividade no acesso ao direito, de forma impessoal, isenta e precisa”, relata o Coordenador da Defesa Civil de Gramado, Engenheiro Alexandre Santos.

Essas características também são reforçadas pelo secretário da Cidadania e Assistência Social Ricardo Cazanova como um dos diferenciais na metodologia implementada por Gramado. “A responsabilidade do Estado na condução da política de Assistência Social e na concessão da cesta básica é fundamental para garantir que haja isonomia, equidade e impessoalidade no acesso ao benefício, por isso também a importância da avaliação técnica, dos critérios de prioridade e da isenção na entrega das cestas básicas que é feita por servidores públicos”, afirma.

Solidariedade ético-cidadã

O Banco de Alimentos Gramadense também recebe doações de pessoas físicas e jurídicas por meio da campanha Quarentena Sem Fome, que é uma iniciativa da Defesa Civil com apoio e adesão da comunidade gramadense.

As doações podem ser feitas diretamente nos postos de coleta junto aos mercados participantes. Conforme Alexandre Santos, coordenador da Defesa Civil, os itens mais necessários no momento para auxiliar na composição das cestas são: café, sardinha, farinha de milho e açúcar.

Informações atualizadas sobre o estoque do Banco de Alimentos, bem com referente aos itens que compõe a cesta básica podem ser obtidas contatando a Defesa Civil de Gramado pelo telefone (54) 99629-6160.

Sobre a solicitação de cestas básicas

A solicitação de entrevista para concessão pode ser feita de três maneiras:

– Preferencialmente pelo telefone (54) 3286-4349, de segunda a sábado, das 13h às 17h

– Pelo formulário eletrônico disponível no endereço: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScADJjwGViLRNnsvHxzE5XUUPRqMlZoVJ98Q_Wq0hIEtM4kUw/viewform

– Presencialmente, de segunda a sexta-feira, das 13 às 17h, no Pavilhão de Esportes localizado em frente à EMEI Algodão Doce (Rua Côrte Real, 205), bairro Piratini.

Canais de contato para sugestões, dúvidas e denúncias de irregularidades.

– Ouvidoria da Assistência Social de Gramado, 24h por WhatsApp, através do número (54) 98408-0010

Formulário de avaliação disponível neste link:

Este instrumento faz parte da primeira sondagem da Vigilância Socioassistencial de Gramado. A sua finalidade é obter a percepção da comunidade em geral, em tempo de pandemia, a respeito do trabalho da Secretaria da Cidadania e Assistência Social, além do Banco de Alimentos de Gramado.

Os resultados serão utilizados para qualificação dos serviços.

Publicidade