Requeridas ações ao Executivo para melhorias no Carazal, Várzea Grande e Carahá

93
Publicidade

Cinco propostas serão encaminhadas ao Executivo Municipal nesta semana requerendo ações e melhorias na linha Carahá, loteamento Carazal e bairro Várzea Grande.

A primeira demanda solicita que a Prefeitura tome providências para a entrega do Loteamento Carazal. “Justifica-se a proposição, pois a comunidade que foi contemplada no sorteio relata que uma das exigências foi a abertura de uma conta bancária, sendo assim, desde então, estão pagando taxas. Ainda, enfatizo que os contemplados precisam usufruir, o mais breve possível do loteamento, o que traria enormes benefícios para muitas famílias gramadenses”, frisou a autora da proposta, vereadora Rosi Ecker Schmitt (Progressistas).

Publicidade

Outra proposta pede reparo na boca de lobo (bueiro) na Estrada do Quilombo, próximo à rotatória do Carahá.     “O pedido justifica-se, pois o bueiro já vem apresentando problemas há muito tempo. Segundo relato da comunidade local, quando chove um pouco mais forte a boca de lobo não é o suficiente para o escoamento de água, causando assim alagamento nos terrenos próximos”, disse Rosi.

Publicidade

A vereadora também pede que o Executivo realize estudo de viabilidade para implantação de iluminação pública na Avenida do Trabalhador, no trecho compreendido entre o Sierra Móveis e a rotatória do Carahá, no bairro Várzea Grande. “Considerando que há uma real necessidade desta solicitação, pois a avenida tem vários pontos com pouca iluminação, causando assim perigo e insegurança a comunidade, principalmente nos dias de neblina. Salienta-se que este pedido parte da comunidade local”, destacou.

Também foi solicitado por Rosi o reparo na tampa da boca de lobo na Rua Olímpio Swaizer, bairro Várzea Grande. “A tampa de concreto do bueiro encontra-se quebrada, o que gera preocupação, pois esse buraco pode ocasionar algum acidente”, enfatizou.

Por fim, a vereadora solicita estudo de viabilidade para implantação de iluminação pública na Rua Ponciano Peixoto Pacheco, na esquina com a Estrada José Bergamo Filho, bairro Várzea Grande, loteamento Vila do Sol.      “Essa esquina é escura, por falta de iluminação em um poste, causando assim perigo e insegurança a comunidade, conforme relato desses munícipes ao meu gabinete”, explicou Rosi.

Publicidade