Obras de restauração da Casa do Major Nicoletti devem começar nos próximos dias

58
Publicidade

Degradado pela ação do tempo e fechado ao público, o casarão que abrigava a família do Major Nicoletti está mais próximo do restauro. Graças a uma parceria público-privada liderada pelo prefeito Nestor Tissot com a empresa Hasam Incorporações as obras devem começar nos próximos dias, assim que o Ministério Público de Gramado chancelar o acordo. Serão investidos R$ 2,2 milhões no projeto que visa a recuperação do imóvel histórico aprovado pelo Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico, Ambiental e Cultural de Gramado e pelo Conselho do Plano Diretor.

O contrato entre a Hasam Empreendimentos e a empresa responsável pela restauração foi assinado nesta terça-feira (02). Após concluído o restauro, o quintal da Casa Major Nicoletti abrigará uma cafeteira e a bilheteria do museu. “O projeto foi realizado por um dos mais renomados arquitetos do Brasil, Evandro Eifler Júnior, responsável pelo restauro de vários prédios históricos. A empresa que fará a obra é de Gramado. O espaço abrigará dois ambientes, um para implantação de uma cafeteria e outro a bilheteria, que serão licitados. Serão dois prédios que em nada interferirá na estética da Casa e tampouco impactará na Mata Atlântica existente no imóvel”, explica Reginato.

Publicidade

O prefeito Nestor Tissot comemorou a assinatura do contrato. “Fomos tachados de inimigos da cultura durante as eleições, porém demonstramos efetivamente toda nossa preocupação com a preservação de nosso patrimônio cultural. A Casa do Major Nicoletti é a prova viva de um tempo não tão distante e que zelaremos por muitas e muitas outras gerações. Nossos filhos e netos terão a oportunidade de vivenciar o início de nossa colonização através de um acervo preservado, bem cuidado e administrado pelo Poder Público. Em apenas dois meses, construirmos esta parceria que não terá custará nenhum centavo para o município”, destaca.

Publicidade