Meio Ambiente divulga material educativo sobre Coleta Seletiva em Gramado

75
Publicidade

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente divulga nesta sexta-feira, dia 05, material educativo sobre a Coleta Seletiva. Confira abaixo mais informações sobre o assunto:

O que é coleta seletiva?

Publicidade

Coleta seletiva é a coleta diferenciada de resíduos que foram previamente separados segundo a sua constituição ou composição. Ou seja, resíduos com características similares são selecionados pelo gerador (que pode ser o cidadão, uma empresa ou outra instituição) e disponibilizados para a coleta separadamente.

Publicidade

Por que separar os resíduos sólidos urbanos?

Cada tipo de resíduo tem um processo próprio de reciclagem. Na medida em que vários tipos de resíduos sólidos são misturados, sua reciclagem se torna mais cara ou mesmo inviável, pela dificuldade de separá-los de acordo com sua constituição ou composição. O processo industrial de reciclagem de uma lata de alumínio, por exemplo, é diferente da reciclagem de uma caixa de papelão.

Por este motivo, a Política Nacional de Resíduos Sólidos estabeleceu que a coleta seletiva nos municípios brasileiros deve permitir, no mínimo, a segregação entre resíduos recicláveis secos e orgânicos/rejeitos. Os resíduos recicláveis secossão compostos, principalmente, por metais (como aço e alumínio), papel, papelão, tetrapak, diferentes tipos de plásticos e vidro. Já orgânicos/rejeitos, são os resíduos não recicláveis, compostos principalmente por restos de alimentos, papéis sujos ou engordurados e resíduos de banheiros (papel higiênico, fraldas, absorventes, cotonetes).

É importante que os resíduos orgânicos não sejam misturados com outros tipos de resíduos, para que não prejudiquem a reciclagem dos resíduos secos (recicláveis).

Qual a diferença entre Coleta Seletiva e Logística Reversa?

A logística reversa é a obrigação dos fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes de determinados tipos de produtos de estruturar sistemas que retornem estes produtos ao setor empresarial, para que sejam reinseridos no ciclo produtivo ou para outra destinação ambientalmente adequada.

Enquanto a coleta seletiva é uma obrigação dos titulares dos serviços de manejo de resíduos sólidos (poder público), a logística reversa é uma obrigação principalmente do setor empresarial pois, em geral, tratam-se de resíduos perigosos.

Para mais informações sobre coleta seletiva, tipos de resíduos e como destiná-los confira os folders sobre Coleta Seletiva de Resíduos: AQUI

Publicidade