Canela inicia estudos para aquisição de vacinas Contra Covid-19

50
Publicidade

Na manhã desta terça-feira (02), aconteceu o primeiro encontro com este objetivo, na Prefeitura de Canela.
Esta semana, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) ajuizou no Supremo Tribunal Federal (STF) ação que permite a compra e fornecimento de vacinas contra a Covid-19 por estados, municípios e Distrito Federal. A Corte deu parecer favorável, desde que a compra dos insumos ocorra em casos de descumprimento do PNI ou a falta dos imunizantes.

O vice- prefeito, Gilberto Cezar coordenou o encontro que contou com a participação da Associação Comercial e Industrial de Canela e da Câmara Municipal de Vereadores para dar mais transparência a matéria.


Publicidade

Alem do vice-prefeito Gilberto Cezar, participaram da reunião De maneira presencial a secretária Municipal de Saúde, Patrícia Valle, o vice-presidente da Acic, Felipe Oliveira, e de modo digital, o secretário Municipal de Governo, Marcelo Savi e o vereador Alfredo Schaffer.

O Prefeito Constantino Orsolin, acredita que é de extrema urgência vacinar toda população de Canela. Após, o grupo recebeu o representante de um dos laboratórios interessados em fornecer o imunizante para Canela.

Publicidade

Transparência e responsabilidade

Gilberto Cezar, já fez contato com diversos municípios para conhecer as diversas formas de adquirir a vacina, cita a importância deste momento, que pode representar um marco na história da cidade.

“Vamos avançar com toda a responsabilidade que este momento exige, buscando dar todos os passos dentro da legalidade e perseguindo o melhor modelo para Canela. A única saída é vacinar todo mundo, o resto é paliativo“, disse o vice-prefeito, que cita ainda a possibilidade de integrar consórcios regionais para a compra do imunizante. Para Marcelo Savi a possibilidade é real, e temos o dever de fazer o nosso melhor para conseguir comprar as vacinas.

A participação da Acic e da Câmara de Vereadores é fundamental para dar transparência ao processo.
Após a decisão de qual modelo de compra adotar, Canela deve ainda passar por todas as avaliações jurídicas e discutir a aquisição com o Conselho Municipal de Saude e Câmara de Vereadores.