18.7 C
Canela
quinta-feira, julho 25, 2024
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
InícioSegurança1°BPAT participa da Operação Nacional Maria da Penha

1°BPAT participa da Operação Nacional Maria da Penha

Publicidade


Ações continuam até o dia 27 de setembro.

Nesta quarta-feira (31/08) a Brigada Militar lançou a Operação Nacional Maria da Penha com foco no enfrentamento à violência doméstica e familiar contra as mulheres.

Publicidade

O 1º Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (1º BPAT ) realizou ações em sua área de atuação onde é desenvolvido o trabalho da Patrulha Maria da Penha – Gramado, Canela, Igrejinha e Três Coroas.

Publicidade

A “Operação Maria da Penha” com o foco no combate à violência doméstica e familiar contra as mulheres e ao feminicídio com o objetivo do fortalecimento das ações de fiscalização das medidas protetivas de urgência, visando prisões pela constatação do descumprimento e, consequentemente, espera-se um impacto na redução dos indicadores de feminicídios e de outros crimes afetos à violência doméstica e familiar contra a mulher no Estado do Rio Grande do Sul.

AÇÕES DESENVOLVIDAS

No período que acontece a operação a Patrulha Maria da Penha vai intensificar as visitas às vítimas em situação de vulnerabilidade e/ou que tenham registrado descumprimento de Medida Protetiva de Urgência. Ainda a realização de palestras em escolas, empresas e outros estabelecimentos, pertinentes ao assunto.

Também, em conjunto com o efetivo das guarnições que realizam o policiamento ostensivo será realizada barreiras de conscientização com distribuição de materiais informativos -folders, orientando sobre os direitos das mulheres. As ações da Brigada Militar na região seguem até o dia 27 de setembro.

Publicidade


Publicidadespot_img
Artigos Relacionados
Leia também
CANELA | A tradicional Festa Colonial de Canela contará com um evento especial neste domingo, 28 de julho. A partir das 15h, ocorrerá a aguardada escolha das soberanas, um dos momentos mais esperados da celebração. As candidatas desfilarão e...
REGIÃO | Em 18 unidades prisionais do Estado, são produzidos itens em oficinas de marcenaria para pessoas atingidas pelas enchentes. Até o momento, já foram confeccionados 216 móveis, como berços, camas e armários, 287 casinhas para cachorros e cerca...
Publicidade
Publicidade

Populares

Leia Mais

Iniciar conversa 👍
1
Seja bem vindo!
JD Canela
Olá! 😀
Quer receber notícias no seu WhatsApp?
Entre no nosso Canal de notícias.
Nos envie um "oi" e te enviamos o link para participar.