Vacinação contra o coronavírus ocorrerá somente no Centro de Feiras a partir de segunda-feira

0
41
Publicidade



UBS do Canelinha, assim como as demais Unidades Básicas de Saúde do município, seguem realizando a vacinação contra a gripe.


A Prefeitura de Canela, por meio da Secretaria de Saúde, realizou algumas intervenções na parte interna do Centro de Feiras para receber a Campanha de Vacinação Contra a Covid-19. Com o intuito de oferecer uma melhor estrutura para a população que busca a vacina, principalmente com a chegada dos dias mais frios, a imunização contra o coronavírus ficará concentrada no Centro de Feiras a partir da próxima segunda-feira (24) e não ocorrerá mais na Unidade de Saúde do Canelinha. “É uma área grande e coberta, onde as pessoas podem ficar abrigadas e com um bom espaçamento para evitar aglomerações”, avalia a secretária de Saúde, Patrícia Valle.

Foram instaladas estruturas no interior do Centro de Feiras para separar o público que procura pela 1ª dose das pessoas que vão até o local para concluir o sistema vacinal com a 2ª dose. As demarcações das filas também estão separadas, por primeiras e segundas doses. Conforme a enfermeira Magali Dell Valle Cavinato, responsável pelo Departamento de Vigilância Epidemiológica, a mudança com apenas um local específico para a vacinação contra a Covid-19 contribui para uma melhor logística da equipe e dos equipamentos. “É uma forma de otimizar o uso dos frascos das vacinas, evitando desperdícios e perdas”, ressalta Magali.

Publicidade

HORÁRIO PARA IMUNIZAÇÃO

O horário para a aplicação das doses no Centro de Feiras segue o mesmo: das 8h às 16h30, sem paralisação ao meio dia. Vale lembrar que para receber a primeira dose é necessário apresentar o CPF e um documento com foto. No caso das segundas doses é preciso levar a carteirinha de vacinação.

1ª DOSE SEGUE PARA GRUPOS PRIORITÁRIOS:

40 A 59 ANOS COM COMORBIDADES

O público-alvo da imunização com a 1ª dose da AstraZeneca/Oxford segue sendo os grupos prioritários com comorbidades:
– Pessoas com 40 a 59 anos que possuem comorbidades;
– Pessoas com 40 a 59 anos portadoras de deficiências cadastradas no Benefício de Prestação Continuada, conforme lista fornecida pelo INSS;
– Pacientes com síndrome de down, a partir de 18 anos;

RECEITA DE MEDICAÇÃO DE USO
CONTÍNUO OU LAUDO MÉDICO

Para comprovar a comorbidade é obrigatório apresentar no momento da vacinação a receita de medicação de uso contínuo ou laudo médico com a CID – Classificação Internacional de Doença, mais a descrição da CID. Pacientes com doença autoimune ou de oncologia necessitam de um laudo médico autorizando a aplicação da vacina.

VACINAÇÃO CONTRA GRIPE
NAS UNIDADES DE SAÚDE

As Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) dos bairros Canelinha, Leodoro de Azevedo, Santa Marta, São Luiz e Centro Materno Infantil seguem recebendo a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza (gripe). O público-alvo desta 2ª etapa da campanha são pessoas acima de 60 anos e professores. A aplicação da vacina ocorre das 8h às 16h30, sem fechar ao meio dia, em todas as UBS’s.


Fotos: André Fernandes

Publicidade

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.