Rosa Helena Volk será primeira mulher a presidir a Gramadotur

40
Rosa Helena Volk será primeira mulher a presidir a Gramadotur - Fotos: Divulgação
Publicidade

A secretária de Turismo Rosa Helena Volk será a primeira mulher a presidir a Autarquia Municipal de Turismo (Gramadotur), em 8 anos. Eleita pelo Conselho de Administração da Autarquia durante reunião administrativa desta terça-feira (09), a secretária agradeceu a confiança dos conselheiros e se comprometeu em cumprir o cargo com absoluta dedicação. Rosa foi empossada e na sequência apresentou o plano de trabalho para sua gestão.

A nova presidente da Gramadotur destaca o momento da escolha e indicação de seu nome para presidir a Autarquia. “Tivemos uma excelente reunião com o Conselho da Autarquia e me sinto muito honrada pela indicação dos conselheiros e pela nomeação do prefeito Nestor. É grande a responsabilidade de presidir a Gramadotur em um momento de crise mundial provocada pela pandemia de coronavírus e a situação financeira delicada que vive a Autarquia”, explica.

Publicidade

Segundo Rosa Helena, que ocupava o cargo de secretária de Turismo, com sua nomeação como presidente da Gramadotur, uma nova portaria foi assinada pelo prefeito Nestor Tissot. “Até uma definição respondo interinamente pela Secretaria de Turismo, com isso toda estrutura e servidores devem ser alocados junto ao Expogramado. Com essa reestruturação do espaço vamos unificar esforços em prol do nosso turismo. Junto com as equipes da Gramadotur e da Secretaria de Turismo vamos trabalhar com muita dedicação e empenho para fazer o melhor”, afirma.

Publicidade

Questionada sobre a situação financeira da Gramadotur, Rosa Helena afirma que somente terá uma dimensão nos próximos dias. “Os valores deficitários serão apurados no decorrer dos próximos dias. Aproveitei a reunião com os conselheiros para apresentar os planos de ação a curto, médio e longo prazo. Vou formar uma equipe para iniciar os trabalhos e o mais rápido possível para que possamos resolver as questões financeiras da Gramadotur”, ressalta a nova presidente.

Para Rosa Helena Volk, o fato de ser a primeira mulher presidir a Gramadotur representa as profissionais que trabalham diretamente na realização de eventos. “No meio de feiras e eventos a grande maioria são mulheres, mas isso não representa uma luta de sexo ou gênero, apenas é uma questão de visão de trabalho. Nos governos Nestor e Luia, as Secretarias eram comandadas por mulher na sua grande maioria, uma maneira igualitária de acreditar na força, garra e determinação das mulheres. As mulheres estarão bem representadas”, garante.

Durante a reunião, o vice-prefeito Luia Barbacovi foi eleito presidente do Conselho de Administração da Gramadotur.

Rafael Carniel faz prestação de contas

Em coletiva de imprensa na tarde de segunda-feira, dia 08, Rafael Carniel de Almeida realizou sua prestação de contas após sete meses de pandemia à frente da presidência da Autarquia Municipal Gramadotur. “Encerro hoje meu ciclo à frente da Gramadotur, com a sensação de dever cumprido”, disse ele. Rafael destacou em sua fala que junto com sua equipe tiveram que reinventar eventos e trabalhar com orçamentos mínimos. “Fizemos um Festival de Cinema que atingiu 2,1 milhões de espectadores, com recorde de mídia espontânea (R$ 91 milhões), feito com 1/3 do orçamento; realizamos um Festival de Gastronomia que aconteceu em meio a uma pandemia, feito com 1/4 do orçamento, com acionamento da mão de obra e da produção rural locais, inclusivo e acessível, que apoiou no crescimento de 10% no turismo em outubro em relação ao ano anterior, rendendo cerca de R$ 2 milhões em mídia espontânea”, destacou. Falando do Natal Luz, Rafael mostrou em números que a Autarquia conseguiu devolver 62,13% dos empregos perdidos no comércio e nos serviços até́ agosto, acima dos demais destinos turísticos. “Foram mais de R$ 20 milhões de arrecadação tributária para a cidade, rendendo cerca de R$ 24 milhões em mídia espontânea”, disse. Outro ponto destacado por Rafael foi que cerca de 76% do valor investido no evento ficou em Gramado, “além disso, 242 postos de trabalho foram gerados diretamente pelo evento”, afirmou.

A Gramadotur também foi destacada pela acessibilidade e inclusão nos seus eventos. “Deixamos o legado da ampla acessibilidade nos eventos da Gramadotur, empregando 11 pessoas com deficiência no Natal Luz”, comemora. No método NPS de avaliação de satisfação, a Autarquia obteve 63% de visitantes promotores do evento e apenas 1% detratores, o que significa nível de experiência Muito Bom. “Nas praças de pedágio, tivemos queda de apenas 5,95% do público entre outubro e janeiro com relação a 2019. Houve mudanças no perfil do visitante, mas a queda no interesse foi pequena”, disse Almeida. Encerrando sua explanação, Rafael disse ainda que Gramado foi o segundo destino da América em recuperação turística em 2020 (TripAdvisor).

Na rede social, Rafael agradeceu a comunidade de Gramado e a oportunidade que teve de estar à frente da Autarquia. “A intensidade dos últimos meses foi indescritível e não havia roteiros para a gestão. Tudo que fizemos, foi com muita dedicação, cuidado, pesquisa e sobretudo um olhar especial para a comunidade”, disse Rafael Carniel de Almeida.

Publicidade