Ilha pedestre na Borges proporciona espaço às pessoas em Gramado

53
Borges
Pista livre para caminhar e brincar. Espaço para sentar, conversar e brincar - Foto: Ilton Muller

Nas tardes deste sábado e domingo, dias 27 e 28, parte da Avenida Borges de Medeiros se transformará novamente em uma “ilha pedestre”. O trecho entre a Rua Augusto Zatti e a Avenida Borges de Medeiros (ao lado do cinema e da praça da Matriz) será fechado ao trânsito de veículos, proporcionando mais espaço para a circulação das pessoas. Segundo o secretário municipal de Trânsito e Mobilidade Urbana, Luiz Quevedo, a interdição desta pista causará menos transtorno ao trânsito de pedestres. 

Prevista no Plano de Mobilidade Urbana, essa medida cresce de importância neste momento de prevenção ao coronavírus. “Com mais espaço, teremos menos aglomeração neste ponto sempre movimentado do Centro”, afirma Quevedo.

Publicidade

Para o prefeito Fedoca Bertolucci, “a ideia é substituir os automóveis por pessoas. Também objetiva aumentar os espaços para a circulação de gente, com isso evitando aglomerações. É a preponderância, o conforto e o bem-estar do ser humano sobre os veículos”, explica.

Publicidade

APROVADA

A proposta implantada experimentalmente em dois finais de semana de funcionamento foi bem recebida. “Fica mais seguro para as pessoas. E nossa filha pode brincar com mais tranquilidade e segurança”, afirmou Alexandre Moura, de Novo Hamburgo, que esteve em Gramado recentemente, quando alugou um patinete elétrico para a filha Valentina andar na pista interditada. A esposa dele, Pâmela, acrescenta que essa novidade ajuda na humanização do Centro da cidade. “As pessoas podem se movimentar, sentar e conversar, respeitando o isolamento”, afirmou.