Discussão banal teria motivado briga que acabou matando uma mãe defendendo o filho

1
37
Publicidade

Polícia Civil considera esclarecido o homicídio ocorrido na noite desta quarta-feira (9), no Bairro São Luiz, quando uma mãe foi morta pelo companheiro ao defender o filho. O autor dos disparos que mataram Suzana Florisbela Souza Santos, 50 anos, segue foragido. Até o momento não há nenhum indicativo sobre seu paradeiro ou se ele pretende se apresentar na delegacia.

Nesta quinta-feira (10) foram ouvidos na delegacia os familiares da vítima. A princípio o crime teria ocorrido por motivo banal. Conforme apurou a reportagem do Jornal Digital Canela, o autor teria chegado em casa embriagado e acabou discutindo com os familiares. Após ameaçar o enteado com uma arma, a mãe do rapaz, temendo pelo pior, interveio na discussão e acabou sendo baleada pelo companheiro. Suzana chegou a ser socorrida, mas não resistiu ao ferimento. 

Publicidade

Enquanto era levada ao hospital, o autor dos disparos fugiu e não foi mais localizado. Conforme a polícia, o foragido não possui histórico de agressão familiar. Suzana foi sepultada na tarde desta quinta-feira, no Cemitério Ecumênico.

Suzana Florisbela Souza Santos, 50 anos
Publicidade

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.