Três barreiras sanitárias serão feitas nesta sexta-feira em Canela

74
Foto: Marcio Cavalli
Publicidade

A Secretaria Municipal de Saúde promoverá três barreiras sanitárias pela cidade, nesta sexta-feira(29). Todas terão início às 14 horas, e as equipes de saúde estarão espalhadas em frente às unidades básicas dos bairros Canelinha e Santa Marta, e nas imediações do Centro de Feiras.

Nas abordagens aos veículos, serão distribuídos materiais orientativos sobre o novo coronavírus e haverá medição de temperatura dos seus ocupantes, com o uso de termômetro infravermelho. “Para quem precisar, teremos máscaras reutilizáveis, das 45 mil que foram adquiridas para a população”, comenta o secretário de Saúde Vilmar Santos.

Publicidade

As barreiras sanitárias aconteceram há algumas semanas em Canela, nos bairros Canelinha e Santa Marta, concomitantemente com a distribuição de máscaras pelas localidades circunvizinhas. Elas foram sugeridas prefeito Constantino Orsolin.

Publicidade

HCC recebe tomógrafo

O Hospital de Caridade de Canela recebeu, na manhã desta quinta-feira (28), o tão aguardado tomógrafo da marca Siemens, uma das mais conhecidas e renomadas fabricantes desse aparelho no mundo. Com a tecnologia, a casa de saúde suprirá todas as necessidades para a realização de exames, pois será possível fazer tomografias simples e contrastadas com imagens digitais de alta resolução.

Para colocá-lo em operação, o HCC necessita preparar toda uma estrutura que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Obras. Além da readequação de uma sala, foram investidos recursos na rede elétrica e em internet para o processador das imagens.

A empresa responsável pela parte radiológica deverá concluir os trabalhos em breve, já que houve demora no transporte de materiais do centro do país, devido à pandemia de covid-19. Feitos ajustes e instalações, depois será a vez da fabricante do tomógrafo enviar técnicos para os ajustes finais e o treinamento da equipe e dos médicos que irão utilizá-lo. A previsão é de que tudo esteja pronto em algumas semanas.

O Hospital de Caridade nunca teve um tomógrafo, o que merece também agradecimento por parte de empresas e pessoas que doaram valores para o pagamento do aparelho, que custa R$ 798 mil. Até o momento, foram arrecadados R$ 473.543,78, segundo a direção da casa de saúde.

“Depois do aparelho de raio-x e do ultrassom, o tomógrafo vem para atestar uma série de medidas tomadas não só pela injeção de recursos financeiros como pela contenção, pela economia de priorizar demandas para a comunidade que busca o hospital”, diz o secretário municipal de Saúde e interventor Vilmar Santos. “O poder público nunca abandonou o hospital. Além de colocar as coisas no lugar para reequilibrá-lo, ainda se tomam medidas para ajustá-lo, para atender melhor à população”, considera o prefeito Constantino Orsolin.