Polícia Ambiental inicia a semana com ações de proteção ao meio ambiente e aos animais

26

Policiais do 3° Batalhão Ambiental da Brigada Militar iniciaram a semana com ações que visam a proteção ao meio ambiente e também aos animais. Foram duas fiscalizações referentes a cortes e extração de árvores e o recolhimento de uma ave nativa, um filhote de papagaio Peito Roxo. Todas as ações foram realizadas nesta segunda-feira (11).

Na parte da manhã, os policiais do 2º Pelotão de Policiamento Ambiental de Canela realizaram o recolhimento do pássaro nativo, espécie papagaio Peito Roxo. O animal foi encontrado e deixado voluntariamente na sede dos Bombeiros Militares de Gramado, que acionaram a guarnição. Trata-se de um filhote grande, prestes a ganhar sua independência, pois praticamente já voa. O animal será encaminhado através do Setor de Fauna da SEMA/RS ao local mais apropriado.

Publicidade

Ainda pela manhã, os policiais ambientais, realizaram fiscalização no entorno da unidade de Conservação, Flona Canela, sob administração do Instituto Chico Mendes da Biodiversidade (ICMBio). Na oportunidade foi vistoriada a extração de madeira exótica, Pinus. O local conta com banhado e curso natural d’água, o que é especialmente protegido. O responsável pela empresa foi notificado a apresentar documentação pertinente as atividades desenvolvidas.

Publicidade

Finalizando o dia, os policiais ambientais se deslocaram até uma residência, objeto de denúncia de corte de vegetação nativa. A guarnição ao chegar ao local deparou-se com uma mini escavadeira cavando alicerces e próximo, o toco de uma árvore nativa espécie Branquilho. O responsável foi identificado e não possuía autorização ambiental para o corte, sendo lavrada ocorrência policial em seu desfavor, que será remetida a instâncias superiores para apuração.

Fotos: Soldados De Aquino e Felipe/Polícia Ambiental