Patram realiza operação de fiscalização no período de piracema no Sistema Salto

0
90
Fotos: Soldados Buss e Gasparine/Divulgação
Publicidade

Durante a quinta-feira (25), no município de São Francisco de Paula, a guarnição do 2º Pelotão de Policiamento Militar Ambiental de Canela (Patram) apoiados por guarnições dos Pelotões Ambientai de Bento Gonçalves, Vacaria e Taquara, realizaram operação de fiscalização embarcada nas barragens do Sistema Salto. As atividades típicas de polícia ostensiva, são voltadas ao período de piracema, visando a abordagem de embarcações e acampamentos. Durante a operação ocorreu a localização de peixes presos em boias loucas, sendo os peixes libertados novamente no habitat.

No período de piracema (defeso da fauna ictiológica) as atividades de pesca tornam-se muito restritas e algumas são proibidas. No Rio Grande do Sul, a piracema inicia em 1 de novembro e finda em 31 de janeiro. Foi realizada a fiscalização de atividades pesqueiras, através da abordagem de embarcações e acampamentos, bem como a habilitação de condutores, orientando banhistas quanto aos cuidados na água.

Publicidade

O policiamento ambiental alerta que conduzir embarcação em águas públicas sem a devida habilitação constituí contravenção penal nos termos do artigo 32 da Lei 3.688/1941, além da medida administrativa de multa que pode chegar até R$ 2.000,00.

Publicidade