Covid-19: Canela registra mais dois óbitos e Gramado tem 15 pacientes internados

51
Publicidade

Nos boletins divulgados pelas prefeituras nesta quarta-feira (14), foram confirmados mais dois óbitos em Canela e em Gramado são 15 pacientes inernados, sendo dez na Unidade de Terapia Intensiva (UTI Covid-19) e cinco na enfermaria especializada.

Em Canela, o COE (Centro de Operações de Emergência) recebeu nesta quarta-feira a confirmação de dois novos óbitos de residentes do município devido a complicações ocasionadas pelo coronavírus. O 155º óbito ocorreu ontem (13), envolvendo um paciente de 67 anos, com comorbidade. Já o 156º óbito ocorreu hoje (14), envolvendo uma paciente de 57 anos, com comorbidade.

Entre ontem (13) e hoje (14) foram recuperados mais oito pacientes, totalizando 5.049 pessoas recuperadas. Nas últimas 24 horas 11 exames testaram positivo. Com isso Canela possui 22 casos ativos (infectados no momento) e registra 5.227 casos confirmados desde o início da pandemia. Ao todo, atualmente, nove pacientes de Canela estão hospitalizados, sendo que todos tiveram diagnóstico positivo para o coronavírus. Deste total seis pacientes estão no Hospital de Caridade de Canela (HCC): cinco na UTI e um na Tenda.

Publicidade

Em Gramado

A Prefeitura de Gramado, através do Centro de Operações de Emergências (COE), informou o registro de 10 novos casos e 15 registros de curados do coronavírus (Covid-19). Agora o município chega a 7.888 dos quais 7.721 já estão curados (97,88%), 167ainda estão com a doença e 115 infelizmente vieram a óbito. Ao todo, já foram realizados 35.542 testes.

Dos pacientes em tratamento, 39 estão em isolamento domiciliar e 13 hospitalizados. Segundo dados da Vigilância em Saúde, 92 pessoas aguardam os resultados dos exames encaminhados para o Laboratório Central de Saúde Pública do Estado do Rio Grande do Sul (Lacen).

De acordo com o COE, o Hospital Arcanjo São Miguel (HASM), registra a internação de 15 pacientes, sendo dez na Unidade de Terapia Intensiva (UTI Covid-19) e cinco na enfermaria especializada. Porém, apenas 13 pessoas tiveram diagnóstico positivo para a doença. Ainda, sete pacientes não residentes estão no HASM, sendo seis na UTI Covid-19 e dois no leito clínico.